Congressos

4509c435-thiv-logo

O tratamento para o HIV evolue dinamicamente e condutas básicas devem ser disseminadas aos médicos assistentes que tem acesso limitado as informações advindas das diretrizes brasileiras e conhecimentos emergentes a partir de dados apresentados em congressos internacionais.

Os objetivos principais são contextualizar as principais condutas e racional advindo destas condutas com relação ao início de tratamento antirretroviral bem como as estratégias de troca de medicamentos entre pacientes com tratamento estável no intuito de mitigar toxicidades e melhorar a posologia.

Não podemos negligenciar que, de acordo com dados oficiais, temos mais de 160 mil pessoas em tratamento antirretroviral no Brasil que estão em falha virológica ao tratamento, e estratégias de detecção destes indivíduos, intervenção pronta em direção a um tratamento de resgate efetivo deve ser discutida. A prevenção para mitigar a transmissão do HIV também mantém sua importância fundamental, e esforços devem ser feitos para que se amplie a PrEP e se facilite a PEP; isto tudo devendo ser discutido neste evento.

foto-perfil-rdss

Coordenação:
Dr. Ricardo Sobhie Diaz
Professor Associado e Livre Docente Chefe do Laboratório de Retrovirologia
da Escola Paulista de Medicina da UNIFESP

Open chat